CASP

Comissão CASP – Regulada pela Portaria CRCPB nº 59/2020 que dispõe sobre a constituição e composição da comissão de contabilidade aplicada ao setor público – CASP do CRCPB, cujo objetivo é integrar os profissionais que atuam no setor público, promover o conhecimento e interagir com os órgãos e entidades de controle e fiscalização, normatização, representação e acadêmicas.
Coordenador: TC Cleber Oliveira de Figueiredo – CRCPB nº010204/O
Coordenadora adjunta: CT Maria do Socorro Nascimento Brito CRCPB nº 005551/O
Membros: CT Antônio Firmino da Silva Neto – CRCPB nº 008304/O; CT Verônica Dias Vieira, CRCPB nº 005823/O, CT Milton Moreira Raimundo, CRCPB nº 005640/O e Kleber Cruz Marques Neto, CRCPB 006732/O.

 

Identidade Comissão CASP-PB

A idéia da identidade CASP é nortear todos os profissionais da contabilidade que atuam no setor público com a nossa Missão, Visão, Negócio e nossos Valores.

 Ela nasce com a seguinte estrutura de orientação:

 Missão – Contribuir para o aprimoramento da Contabilidade Aplicada ao Setor Público (CASP) em benefício do controle interno, externo, acadêmico e cientifico, buscando como premissa a qualidade da informação contábil para a sociedade.

 Visão – Ser reconhecido pela sociedade e órgãos de controle e a classe política como peça fundamental na transparência pública e na qualidade da informação de dados estatísticos e contábil para tomada de decisão *até 2023*.

Negócio – Contribuir para a disseminação do conhecimento entre os profissionais, estudantes, gestores e servidores públicos na esfera da Contabilidade Governamental.

Valores:

Tempestividade  – Agir com proatividade, efetividade, cooperação e celeridade.

Inovação –   Estimular o processo criativo para o desenvolvimento de soluções para a Contabilidade Governamental.

Transparência –  Promover o amplo acesso às informações e às decisões de forma clara, objetiva e tempestiva.

Humanismo – Valorizar o ser humano, promover um ambiente saudável, respeitar as diferenças e estimular as competências em busca da satisfação pessoal, profissional e coletiva.

Autonomia –   Atuar de forma ética, em cooperação com os demais profissionais e organizações da sociedade civil.

Norteamento – Trabalhar em equipe para produzir maiores resultados para todos os profissionais da contabilidade governamental, organizações públicas e para a sociedade.

Sustentabilidade –  Desenvolver idéias, executar sem comprometer os próximos coordenadores, parceiros e membros da CASP-PB e futuros profissionais.